\ A VOZ PORTALEGRENSE: Crónica de Nenhures

segunda-feira, outubro 23, 2017

Crónica de Nenhures

*
Violinos por Santana

Está de volta a Política ao PPD-PSD. Depois de anos asséptico, a candidatura à liderança de Pedro Santana Lopes faz regressar a Política ao debate interno.
O outro candidato, o regionalista Rui Rio, tem o apoio daquilo que Santana Lopes mais detesta, os maoistas infiltrados e o comatoso MFA.
Contudo, a eterna dúvida permanece. O que é ideologicamente o PSD? E o PPD? E o PPD-PSD?
É muita Política para um Partido só!
Celestialmente, como só ele sabe, Santana Lopes apresentou publicamente a sua candidatura. Não se ouviram violinos, muito menos Chopin. Mas ouviu-se o candidato perorar sobre si próprio, e tudo o que o cerca. No final, lembrou uns, do Além, Francisco Sá Carneiro e Francisco Pinto Balsemão, outro terreno, Pedro Passos Coelho, outro entre o lá e o cá, Marcelo Rebelo de Sousa. Mas o mais interessante foram aqueles que não lembrou, aliás, nem ao Diabo lembraria!
E assim Santana Lopes começou mais uma corrida eleitoral, interna, que o irá levar ao Olimpo, ou, quiçá, ao Cemitério dos Insubstituíveis.
A memória da populaça é curta, graças aos deuses! E os PPD’s-PSD não fogem a esta regra. Eles amam a Paz, gostam de Pão, são Povo, devoram a Liberdade. Sempre muito Unidos!
E como Política também é Espectáculo, este está mais do que assegurado com a candidatura de Pedro Santana Lopes.
A populaça agradece! Que toquem violino por Santana!

Free web page counter