\ A VOZ PORTALEGRENSE: Desabafos

quarta-feira, fevereiro 06, 2013

Desabafos

Há coisas na vida, às quais só se dá o seu real valor quando se perdem, e uma dessas coisas é a Liberdade. A Liberdade é um bem tão valioso, que uma vez perdida torna-se difícil voltar a alcançar.
E se hoje estou aqui, na Rádio Portalegre, é porque nela se cultiva essa mesma Liberdade. E sabe tão bem ter liberdade de pensar, para escrever, de exprimir o que sentimos e pensamos.
Mas em Portugal nem sempre, ou melhor, poucos têm sido ao longo da sua História os períodos de Liberdade de Pensamento e de Liberdade de Expressão.
A última vez que os Portugueses conseguiram essa Liberdade foi em 25 de Novembro de 1975. E não foi fácil conquistá-la!
Vivia-se então em Portugal uma situação de pré-guerra civil. A Extrema-Esquerda liderada pelo PCP queria implantar em Portugal uma Ditadura semelhante à da então União Soviética e países satélites. Mesmo com o resultado das eleições de 25 de Abril de 1975, onde o PCP se ficou por um valor de 12,46% dos votos, tal não o impedia de agir contra a vontade de mais de 80% dos Portugueses. O facto de ter apoio nos quarteis, controlar sindicatos e através de campanhas de intimidação física, permitia-lhe continuar a colocar as peças no xadrez da insurreição armada.Mas a maré virou em 25 de Novembro de 1975 com a derrota daquela Esquerda radical, quando de facto começa esta Terceira República.
Ramalho Eanes e Jaime Neves são dois dos principais militares que idealizaram e concretizaram as operações militares vitoriosas.
No domingo dia 27 de Janeiro de 2013 faleceu Jaime Neves. Recordamos estes factos históricos, como agradecimento por esta Liberdade e em Homenagem à sua Memória.
in, Rádio Portalegre, Desabafos, 05/02/2013
Mário Casa Nova Martins
*
Jaime Neves, Honra e Glória!
*

Free web page counter