\ A VOZ PORTALEGRENSE: III República e Selvajaria

terça-feira, março 05, 2013

III República e Selvajaria

Isto é uma selvajaria! Mas quando o Panteão Nacional acoita um regicida, Aquilino Ribeiro. Quando um judeu, Guerra Junqueiro, apela ao assassinato do Rei, o caçador Simão, e é elevado a herói nacional. Já nada espanta.
Esta Terceira República está ao nível de um bordel da pior fama.
E o primeiro-ministro congratula-se por antidemocraticamente ter sido impedido de falar em plena Assembleia da República, ao som de uma música/canção que simboliza, que é o hino da extrema-esquerda totalitária.
E a selvajaria que é o coelho morto e enforcado por uma corda num pau, ninguém tem a coragem de denunciar!
Mário Casa Nova Martins

Free web page counter