\ A VOZ PORTALEGRENSE: Os novos Bolcheviques

terça-feira, outubro 18, 2011

Os novos Bolcheviques

Crónica de Nenhures
.
Por um lado, sabe-se que a ‘era’ dos subsídios de férias e de natal acabou. Mesmo o sector privado a curto prazo irá ‘copiar’ o sector público. Por outro lado, há a consciência que as medidas tomadas e a tomar pelo actual Governo de combate à crise económica e financeira não vão resolver nada. Daqui a uma ano este ‘cenário’ repetir-se-á. Inexoravelmente!
Então, assim sendo, como se resolveria a crise? Muito simplesmente reduzindo tudo o que a classe política ao longo desta Terceira República tem vindo a criar para satisfazer as suas clientelas, quer seja no Estado central, quer nas Autarquias.
Institutos, fundações, empresas, parcerias publico-privadas, enfim uma panóplia de negócios sempre com grandes prejuízos para o Estado e para as Autarquias, criados por políticos de todos os partidos com assento parlamentar, do CDS ao BE, mas passando pelos principais culpados, o PSD e o PS a nível central e autárquico e o PCP a nível autárquico. E há que não esquecer as centrais sindicais CGTP e UGT, que ao longo dos anos criaram uma classe parasitária de funcionários/sindicalistas que apenas se preocupam com as suas regalias, mordomias.

Mas há que identificar quem, de uma vez por todas, com as medidas que tomou, proletarizou a classe média portuguesa. Desde a instituição do Liberalismo em Portugal, nunca a classe média foi tão atacada como pelo actual Governo. E sabe-se que uma sociedade sem uma classe média não é viável. Sem classe média, a sociedade terá apenas ricos, uma ínfima minoria, e proletários, a largíssima maioria. A sociedade em si não conseguirá criar riqueza e irá definhando, até que morre. Sim, as sociedades são com os seres vivos!
CDS e PSD constituem o novo Partido Bolchevique Português. A política económica e financeira do Governo de coligação CDS/PSD conduz à eliminação física da classe média portuguesa, e leva ao Fim Histórico de Portugal!
Mário Casa Nova Martins

Free web page counter