\ A VOZ PORTALEGRENSE: FINIS MUNDI - II

domingo, maio 08, 2011

FINIS MUNDI - II

Disponibilidade: 28 de Maio
A revista Finis Mundi é uma revista trimestral que se rege pelas ideias inerentes ao livre pensamento, à liberdade de expressão e ao pluralismo de ideias;
A revista Finis Mundi é independente do poder político, do poder económico e de quaisquer grupos de pressão;
A revista Finis Mundi não perfilha nenhuma ideologia política, rácica ou qualquer crença religiosa, sendo a sua conduta o respeito por todas as ideias e crenças, desde que estas se perfilem dentro dos ideais da democracia, da portugalidade, da lusofonia, do respeito pelo ser humano e pelos direitos humanos;
A revista Finis Mundi vai tentar dar voz a uma minoria que já não se consegue identificar com grande parte dos conteúdos vagos oferecidos noutras publicações;
A revista Finis Mundi foi pensada não para os quiosques onde se amontoam revistas de banalidades mas para as livrarias que são, hoje como sempre, o último bastião de qualquer cultura;
A revista Finis Mundi tentará assumir-se como um veículo de transmissão de conhecimento e formação. A política editorial da revista tentará respeitar e dignificar os valores da cultura portuguesa e da História de Portugal segundo uma perspectiva ou paradigma ocidental, não descurando contudo a sua vocação lusófona;
A revista Finis Mundi surge num final se ciclo, na proximidade de uma nova Era que está somente a começar e na qual os pais começam a perceber que é quase certo que os seus filhos tenham uma vida pior que a sua, um período de transição, o fim do “nosso” mundo tal qual o conhecemos… assim sendo, há que recordar o Portugal que existiu, o Portugal que ainda existe e o Portugal que pode vir a existir;
A revista Finis Mundi obedece a um projecto editorial sem uma redacção fixa, sendo o seu conteúdo fornecido por uma rede de académicos e intelectuais (nacionais e internacionais) e gerido por um Conselho Consultivo e um director devidamente identificados. Não obedecendo ao esquema de uma redacção fixa o projecto fica assim aberto a qualquer indivíduo que com ele se identifique e queira colaborar.
Índice
A ÚLTIMA CULTURA:
À Espera do Fim do Mundo, René Guénon e o Kali Yuga
- Richard Smoley ●
Inverno demográfico
- Manuel Brás ●
HISTÓRIA:
A formação da elite política de Cabo Verde
- António Marques Bessa ●
Fala, memória
- Daniel Estulin ●
Os primeiros povoadores portugueses dos Açores, seus nomes e seus lugares de nascimento
- Carlos Melo Bento ●
As Regiões Autónomas no quadro do Estado Democrático Português – concepção, atribuições e órgãos de governo próprio
- Teresa Ruel ●
D. SEBASTIÃO - O ELMO DESEJADO:
Do elmo como pórtico
- Álvaro Fernandes ●
Conversas à volta do elmo
- Flávio Gonçalves ●
Ajudar D. Sebastião
- Rainer Daehnhardt ●
RESENHA:
“Salazar, a construção do mito”
- Daniel Nunes Mateus ●
“Day of the dead”, O dia mais negro da humanidade
- Rui Baptista ●
ENSAIO:
Um balanço da cultura soixante-huitard a quarenta anos de distância (II de II)
- Alexandre Franco de Sá ●
A vivência espiritual portuguesa: estigma histórico-cultural (II de II)
- Sónia Pedro Sebastião ●
ACTUALIDADE:
Família, pilar da sociedade
- João Pedro Cordeiro ●
Intelectuais e factuais
- Henrique Salles da Fonseca ●
Carta a Fernando Nobre
- Renato Epifânio ●
Que democracia é esta?
- Pedro Quartin Graça ●
BIBLIOGRAFIA:
Mário Saa revisitado
- Mário Casa Nova Martins ●
Salazar, Sobre um livro esquecido durante quarenta anos, a propósito de um livro recém-publicado
- Jorge Morais ●
MUNDO:
Um instrumento internacional sem políticas de Estado
- Alberto Buela ●
A alienação da moeda e a degradação do Estado como agente económico
- Luís Tavares do Couto ●
A NATO e a guerra pelo ópio no Afeganistão
- Basílio Martins ●
Índia ou Índias? – Sua(s) Imagem(ns) no Ocidente
- Célia Belim ●
A crise europeia, criada pela Alemanha
- Heiner Flassbeck ●
CULTURA:
A Gaita-de-Foles, e a música popular portuguesa.
- João Franco ●
O inominável na sociedade da informação
- José Almeida ●
Encontro Nacional Evoliano
- Dídimo George ●
MITOLOGIA & TRADIÇÃO:
Uma Certa Anatomia da Melancolia: Luís Vaz de Camões à Luz de Saturno
- Júlio Mendes Rodrigo ●
Para uma criação terminal
- Álvaro de Sousa Holstein ●
Globalização, Estratégia Nacional e Mitologia Portuguesa. Uma Leitura Introdutória
- Sandra Maria Rodrigues Balão ●
_______
Preço: 12 €
Formato: 21/15
Páginas: 228
ISBN: 978-989-8336-24-8
_______
Página oficial
Colecção Мир
Facebook
R. Elias Garcia, 328, 6º Dto., 2700-335 Amadora
Tel.: 963 018 838 ou 966 719 648
_______
Mário Casa Nova Martins

Free web page counter