\ A VOZ PORTALEGRENSE: Sonho dum serão de primavera

terça-feira, abril 05, 2011

Sonho dum serão de primavera

Sonho dum serão de primavera

José Régio, e José Maria dos Reis Pereira, continua(m) presente(s) na vida cultural e cívica de António Martinó de Azevedo Coutinho. E o que se passou na noite de 30 de Março passado no auditório da Escola de Educação de Portalegre, prova-o.
A propósito dos setenta e cinco anos da primeira apresentação da peça de teatro de Régio «Sonho duma véspera de exame», António Martinó de Azevedo Coutinho apresentou uma sequência de sete apresentações/diaporamas, que no fundo eram uma biografia completa de José Régio, com maior acentuação nas obras teatrais do autor.
Foi um tempo de contínuo movimento cultural, em que no intervalo da apresentação dos diaporamas, António Martinó contextualizava o que se iria seguir.
António Martinó mostrou conhecer profundamente a vida e obra de José Régio. Mas disso há muito que sabíamos. Também, ‘novidade’ não foi a forma inteligente como articulou todas as temáticas, resultando um espectáculo de cultura, imagem e som, de elevado nível.
«Sonho duma véspera de exame» foi à cena a primeira vez em 30 de Março de 1936 no Teatro Portalegrense, inserida numa Récita dos Alunos do Liceu de Mouzinho da Silveira.
Ainda hoje existe o Teatro Portalegrense, mas, em mãos de particulares, em estado físico muito deficiente, necessitando que a Causa Pública por ele se interessasse, ele que será sempre um lugar de grande tradição cultural da cidade, e de que é prova a história do teatro em Portalegre.
Naquele serão de 30 de Março passado, António Martinó de Azevedo Coutinho mostrou uma vez mais a Arte de ser Portalegrense, transformando-a num sonho de primavera!
Mário Casa Nova Martins
facebook.com/Mario.Casa.Nova.Martins

Free web page counter