\ A VOZ PORTALEGRENSE: Curta-metragem de Marco Laureano

terça-feira, fevereiro 15, 2011

Curta-metragem de Marco Laureano

.
Teaser da curta-metragem "A Chave". Duração: 23 minutos. País: Portugal. Produção: 2010.

Задира для короткого фильма "A Чаве". Полное время: 23 минуты. Страна: Португалия. Выпуск: 2010.

Teaser for the short film "A Chave". Total time: 23 minutes. Country: Portugal. Release: 2010.

Personagens e Actores:
Matilde Aires.....................Cátia Tomé
Irina Tereshkova................Irina Mazeina
Padre................................Alexandre Ferreira
Sr. Machado......................Dinis Evangelista
Vítor Chaves......................Mário Branco
Carla Portas.......................Sandra Gonçalves
Homem.............................Daniel Ferreira
Amiga...............................Lucília Laureano
.
Realizador.........................Marco A. Laureano
Ass. Realização..................Luís Esteves
Equipa Técnica:
Realização........................ Marco A. Laureano
Ass. Realização..................Luís Esteves
Director de Som.................João Santos
Ass. Som............................Daniel Alvares
Director de Fotografia........Teresa Sousa
Operador de Câmara..........Carlos Duarte
Ass. Imagem......................Marco Marques
Adereços............................Margarida Ivo Cruz
Director de Produção.........Marco A. Laureano
Chefe de Produção.............Luís Esteves
Ass. Produção....................Iuri Laureano
Ass. Produção....................Lucília Laureano
_______
Em ambiente suburbano, Marco Laureano desenvolve o seu filme "A Chave", entre dois mundos: o kafkiano e o surreal; mundos que ao cabo e ao resto são a nossa querida realidade. Alguém procura uma chave que abra uma porta qualquer. Outros, procuram portas, ou fechaduras, aberturas para o beco das suas vidas.
Difícil demanda quando a mor parte das vezes o objecto da nossa busca, ou salvação, se encontra dentro de nós, o que como se sabe, a própria individualidade, é o objecto de mais complicada compreensão.
Convite a que cada um encontre a saída para a sua realização humana, enquanto ser vivente e pensante. Coisa que não é tão fácil como parece, mesmo para os iluminados que de tudo isso, e mais algo, são sabedores.
23 minutos de puro prazer cinéfilo. A chave, cada qual que tenha a sua.
jaime crespo

Free web page counter