\ A VOZ PORTALEGRENSE: Alexandre Herculano

domingo, março 28, 2010

Alexandre Herculano

No Dia do Bicentenário do seu Nascimento
.
Alexandre Herculano de Carvalho e Araújo (Lisboa, 28 de Março de 1810 — Quinta de Vale de Lobo, Azóia de Baixo, Santarém, 13 de Setembro de 1877) nasceu em Lisboa. Devido ao seu envolvimento na «Revolta do 4 de Infantaria», é obrigado a emigrar para Inglaterra. Lê Walter Scott. Inicia a sua colaboração no Repositório Literário. Integra-se no exército liberal de D. Pedro IV, desembarca no Mindelo e participa no cerco do Porto. Ajuda a organizar a Biblioteca Pública do Porto. Em 1839 é nomeado director das bibliotecas reais das Necessidades e da Ajuda. Entretanto vai publicando algumas obras: A Harpa do Crente (1837), Lendas e Narrativas (2 volumes, 1839-1844), Eurico, o Presbítero (1844), o primeiro volume da História de Portugal (1846), O Monge de Cister (1848), etc. As suas obras são de cunho romântico e vão desde a poesia ao drama e ao romance. Foi, além de um dos mais importantes escritores portugueses do século XIX, o renovador do estudo da história de Portugal.

Celebra-se hoje o bicentenário do nascimento de Alexandre Herculano.
Esta efeméride está a passar despercebida, só possível porque se vivem tempos de período final de Regime. Mal vai um Povo quando esquece os seus Maiores! Mas hoje Portugal é assim.
Mário Casa Nova Martins

Free web page counter