\ A VOZ PORTALEGRENSE: Mário Silva Freire

quarta-feira, outubro 28, 2009

Mário Silva Freire

.
Uma oportunidade perdida?
.
A Refer, segundo notícia recente, vai reabilitar a Linha do Leste, no troço entre Abrantes e Elvas. E até já está estabelecida a verba que irá ser gasta nesta obra: 48 milhões de euros. A intervenção durará até 2013.
Aqui está uma notícia que poderia ser uma oportunidade para congregar as vontades dos políticos, assim como de todos os que pugnam pelo desenvolvimento da região de Portalegre. Uma vez que vai mexer-se na referida Linha, porque razão não aproveitar esta circunstância para se trazer para a cidade um comboio que respondesse às necessidades de uma zona industrial do interior que se pretende desenvolver e que auxiliasse os cidadãos desta região a ligarem-se, em tempo útil, à capital do País, à semelhança do que acontece com as outras capitais de distrito?
Já é tempo de, a par das naturais divergências que os partidos, grupos ou pessoas possam ter sobre aspectos importantes da governação, mas de natureza pontual, eles se unirem, pelo menos, naquilo que parece ser uma das bases do desenvolvimento de uma região. Ora, qualquer estratégia de desenvolvimento regional tem que passar, necessariamente, pelas acessibilidades. E, de entre estas, assumem particular importância as ligações ferroviárias.
Os deputados que foram agora eleitos pelo distrito de Portalegre têm, sem querelas partidárias, que mostrar que os interesses regionais que representam são superiores às divergências políticas que os separam.
O executivo autárquico, a par dos diferentes modos de encarar a gestão do concelho, não pode alhear-se e, muito menos, dividir-se na luta partidária, quando estão em causa aspectos do desenvolvimento da região que poderão ser uma alavanca para a atracção de empresas, criação de emprego e fixação de pessoas.
É dos manuais da ciência política que a melhor maneira de aglutinar vontades é encontrar um inimigo comum. Ora, aqui, se inimigos existem, eles têm a ver com o desemprego e a desertificação humana. Então, porque não eleger estes inimigos para aglutinar esforços no sentido de exigir das entidades competentes a criação de uma Linha do Leste condigna que sirva a cidade e a região de Portalegre?
Mário Freire

Free web page counter