\ A VOZ PORTALEGRENSE: Render da Guarda

quinta-feira, junho 28, 2007

Render da Guarda

Anthony Charles Lynton Blair (6 de Maio de 1953)
.
Tony Blair já não é primeiro-ministro britânico. Saiu como saiu Margareth Thatcher, porque quis.
Não se pretende fazer uma análise da década em que esteve no número 10 de Downing Street, somente referir dois sucessos internos e um insucesso externo.
Blair conseguiu levar a cabo a regionalização do País de Gales e da Escócia, primeiro passo para, em paz, se o Povo destas Nações quiser ser independente, ter as suas estruturas políticas.
Também conseguiu a paz na Irlanda do Norte, num processo exemplar, por exemplo, para a Ibéria.
O insucesso prende-se com o excessivo alinhamento, não com os EUA mas com George W. Bush.
Geopoliticamente, a Inglaterra é um Estado marítimo, como Portugal, e é correcta a sua aliança com a Potência Marítima, tal como Portugal.
Essa Potência Marítima é os Estados Unidos da América. O que era desnecessário era tanta subserviência a uma Presidência liderada por Bush Filho.
Enorme erro político, que manchará qualquer futura Biografia de Blair.
MM

Free web page counter